Autenticação de E-mail

A autenticação de e-mail ajuda a evitar spam. As opções abaixo tentam equipar mensagens de email com informações verificáveis para que a natureza das mensagens de entrada e saída possa ser detectada automaticamente.

Habilitar esses recursos deve reduzir o número de notificações de entrega com falha que você recebe quando remetentes de spam forjam mensagens de seu(s) domínio(s). Esses recursos também trabalham para impedir que remetentes de spam forjem mensagens que alegam ser de seu(s) domínio(s).

Por padrão, o sistema já a DKIM, o SPF e o DMARC em seu domínio, porém se e somente se você utilizar um DNS externo e quiser utilizar os e-mails na nuvem Infinite, você deverá cadastrar esses dois registros (DKIM e SPF) em seu servidor DNS externo.

1. Acesse o cPanel;
2. Na seção “#email”, clique no item Autenticação;
3. No subtítulo “#dkim”, copie o campo Seu registro do DKIM bruto atual é;
4. Em seu DNS externo, crie um registro TXT. No primeiro campo preencha com o valor default._domainkey e no segundo (não é o TTL, pois o TTL pode manter o padrão) cole o conteúdo copiado do campo Seu registro do DKIM bruto atual é;
5. Edite o que você acabou de colar, retirando o que vier antes de v=DKIM1;, inclusive as aspas. Retire também os caracteres /” da chave DKIM e junte as duas “frases”;
6. Por fim, no final da chave, exclua o caractere / antes do ponto e vírgula e salve o registro TXT;

A chave que antes era assim:
default._domainkey IN TXT “v=DKIM1; k=rsa; p=MIIBIjANBgkqhkiG9w0BAQEFAAOCAQ8AMIIBCgKCAQEA6aG8le4fziAl/GW+N3gNCQMzc1KeiOTAgOwVEINuAdVcMmLkfZ49ubJUZPkwQ0p5qekG4KC6GyGDm0hrQDrZHG79Wxr1f8f1snS5+dGLS+ahbeD3pdpCThH8NHlqVHmUcW3/Hbp6/rjOztW2cBUkdUf2qlRjQpHdNA0c6mA5s/WXXTJ3Kv0ISrrqTjF4u0Bq/” fo833ZeujwTXouQ0skySMKIde6LBYLPkJHLHZuDwopgEOKRjWkPo/Qw3CNIg3FcnMhqkqdA5IgDfmkUuyJIo7cQcZqMWPml1bRl0KfulSkRHD3+m4DxX763o23lVuU7adTgj+RAMMvJNaDUHLtUHwIDAQAB\;

Deverá ficar dessa forma:
v=DKIM1; k=rsa; p=MIIBIjANBgkqhkiG9w0BAQEFAAOCAQ8AMIIBCgKCAQEA6aG8le4fziAl/GW+N3gNCQMzc1KeiOTAgOwVEINuAdVcMmLkfZ49ubJUZPkwQ0p5qekG4KC6GyGDm0hrQDrZHG79Wxr1f8f1snS5+dGLS+ahbeD3pdpCThH8NHlqVHmUcW3/Hbp6/rjOztW2cBUkdUf2qlRjQpHdNA0c6mA5s/WXXTJ3Kv0ISrrqTjF4u0Bqfo833ZeujwTXouQ0skySMKIde6LBYLPkJHLHZuDwopgEOKRjWkPo/Qw3CNIg3FcnMhqkqdA5IgDfmkUuyJIo7cQcZqMWPml1bRl0KfulSkRHD3+m4DxX763o23lVuU7adTgj+RAMMvJNaDUHLtUHwIDAQAB;

7. Ainda em seu DNS externo, crie outro registro TXT. No primeiro campo preencha com o seu domínio ou com o caractere @;
8. No segundo campo (não é o TTL, pois o TTL pode manter o padrão), insira: v=spf1 include:_spf.brasil8.com ?all
9. Com os DKIM e SPF cadastrados, vamos cadastrar o DMARC por segurança. Crie um novo registro TXT;
10. No primeiro campo preencha com o valor: _dmarc
11. No segundo campo (não é o TTL, pois o TTL pode manter o padrão), insira: v=DMARC1; p=none;
12. Salve as alterações do DNS e o processo estará concluído.

Fechar Menu